24 abril 2019

Dica de filme : O predestinado

O predestinado

Dica de filme netflix O predestinado

A Netflix é um ótimo canal de streaming. Grande catálogo categorizado que agora passa a contar com produções mais rapidamente disponibilizadas graças a acordos fechados com grandes produtoras de Hollywood. Moonlight, por exemplo, foi vencedor do Oscar de melhor filme na última premiação e já está no catálogo há mais de um mês.

Conta, também, com o algoritmo que utiliza a sua avaliação dos filmes ou séries já assistidos para “prever” sua avaliação acerca do que ainda não foi assistido. Creio que depois desses parágrafos a Netflix deveria me dar assinatura vitalícia, mas duvido.

O problema é encontrar um filme ou série para assistir dentro do vasto catálogo. Eu mesmo perco muito tempo escolhendo o que vou conferir. Assim, hoje vou dar uma dica de filme. A capa não é muito atraente e temos que lembrar sempre que ler a sinopse quase sempre estraga a experiência.

O nome do filme é “O Predestinado”. É uma ficção científica sobre agentes do tempo.
O que me atraiu para o filme foi o ator protagonista: Ethan Hawke (o mesmo do fantástico Gataca).
Se você, como eu, é fã de ficção científica tenho certeza que vai adorar esse filme.

Qualquer detalhe sobre a trama estragaria a experiência, então vou abordar os aspectos sem entregar nada de importante.

Destaque para Sarah Snook que entrega muito bem sua personagem. Todos aqueles temas filosóficos e éticos que sempre permeiam uma boa ficção científica estão lá. O roteiro somado à direção dos irmãos Spierig falha no terceiro ato entregando demais antes da hora, mas isso não chega a prejudicar. Apenas poderia ser melhor resolvido.

O primeiro e segundo atos são incríveis e em dado momento até esqueci que era um filme de ficção até ser arremessado de novo no contexto tecnológico que é o fio condutor do filme. A personagem de Snook é lindamente desenvolvida e isso deixa a história muito mais interessante. Eu fiquei comovido e preocupado com ela, devorando cada cena para saber o que aconteceria em seguida.

Ao final me peguei repensando nos acontecimentos e no quão surreal é a história. Ótimo filme!

Autor: Alex Arruda Mendes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Amigos do Blog



Agregadores